Extrato vegetal em diferentes solventes

Resumo: Resumo: Fitoterápico é obtido por processos tecnologicamente adequados, empregando-se exclusivamente matérias-primas vegetais, com finalidade profilática, curativa, paliativa ou para fins de diagnóstico. A administração de agentes terapêuticos necessita da sua incorporação em uma forma farmacêutica, caracterizada normalmente pelo seu estado físico de apresentação, constituída de componentes farmacologicamente ativos e de adjuvantes farmacêuticos. Na medicina popular Chenopodium ambrosioides L. é conhecida como erva-de-santa-maria indicada como antiinflamatóra e antifúngica. Alternanthera brasiliana conhecida como terramicina e utilizada pela comprovada ação antiinflamatória, analgésica e atividade inibidora do vírus do herpes simples. Allium sativum L, tem forte atividade antibacteriana pelo princípio ativo, a alicina. Em todo o mundo é crescente o número de pesquisas com plantas que apresenta atividade contra vírus, bactérias, fungos e parasitos, não sendo diferente na medicina veterinária onde as pesquisas por plantas medicinais objetivam a redução de problemas sanitários no controle de várias doenças que comprometem a produtividade dos animais. Este trabalho tem como objetivo preparações de extratos em diferentes solventes, óleo essencial e identificação dos compostos químicos das partes aéreas da Melia azedarach L., Chenopodium ambrosioides L., Alternanthera brasiliana e do bulbo de Allium sativum, entre outras, para utilização em trabalhos experimentais, in vitro e medicinais in vivo.

Data de início: 2014-08-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Doutorado Gabriela Porfirio Passos
Colaborador ZELIA TERESINHA GAI
Colaborador Maria Júlia Alledi de Campos
Colaborador VAGNER TEBALDI QUEIROZ
Colaborador ADILSON VIDAL COSTA

Páginas

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910