Extrato vegetal em diferentes solventes

Resumo: Resumo: Fitoterápico é obtido por processos tecnologicamente adequados, empregando-se exclusivamente matérias-primas vegetais, com finalidade profilática, curativa, paliativa ou para fins de diagnóstico. A administração de agentes terapêuticos necessita da sua incorporação em uma forma farmacêutica, caracterizada normalmente pelo seu estado físico de apresentação, constituída de componentes farmacologicamente ativos e de adjuvantes farmacêuticos. Na medicina popular Chenopodium ambrosioides L. é conhecida como erva-de-santa-maria indicada como antiinflamatóra e antifúngica. Alternanthera brasiliana conhecida como terramicina e utilizada pela comprovada ação antiinflamatória, analgésica e atividade inibidora do vírus do herpes simples. Allium sativum L, tem forte atividade antibacteriana pelo princípio ativo, a alicina. Em todo o mundo é crescente o número de pesquisas com plantas que apresenta atividade contra vírus, bactérias, fungos e parasitos, não sendo diferente na medicina veterinária onde as pesquisas por plantas medicinais objetivam a redução de problemas sanitários no controle de várias doenças que comprometem a produtividade dos animais. Este trabalho tem como objetivo preparações de extratos em diferentes solventes, óleo essencial e identificação dos compostos químicos das partes aéreas da Melia azedarach L., Chenopodium ambrosioides L., Alternanthera brasiliana e do bulbo de Allium sativum, entre outras, para utilização em trabalhos experimentais, in vitro e medicinais in vivo.

Data de início: 2014-08-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Doutorado Gabriela Porfirio Passos
Colaborador ZELIA TERESINHA GAI
Colaborador Maria Júlia Alledi de Campos
Colaborador Vagner Tebaldi de Queiroz
Colaborador Adilson Vidal Costa

Páginas

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910